terça-feira, maio 31, 2005

Paul Ricoeur (1913-2005)

Paul Ricoeur é um dos mais importantes filósofos da segunda metade do século XX. Foi professor na Universidade de Estrasburgo, Sorbone, Nanterre, Lovaina e na Universidade de Chicago. Estabeleceu uma ligação entre a fenomenologia e a análise contemporânea da linguagem através da teoria da metáfora, do mito e do modelo científico.

Obras do autor
Karl Jaspers e a Filosofia da Existência
, em colab. com M.Dufrenne (1947);
A Filosofia da Vontade I.
O Voluntário e o Involuntário (1950);
História e Verdade (1955);
Husserl: uma análise da sua fenomenologia (1967);
Filosofia da Vontade II.
Finitude e Culpabilidade: 1. O homem falível. 2. A simbólica do Mal (1969);
Da Interpretação.
Ensaio sobre Freud (1965);
Ensaios Políticos e Sociais (1974);
O conflito das Interpretações: Ensaios de Hermenêutica (1969);
Metáfora Viva (1975);
Teoria da Interpretação: O Discurso e o Excesso de Sentido (1976);
Leituras I
À volta da Política. (1991).
Do Texto à Acção, Porto, Rés-Editora, 1991
Da Metafísica à Moral, Lisboa, Instituto Piaget, 1997
O Discurso da Acção, Lisboa, Edições 70, 1988
Teoria da Interpretação, Lisboa, Edições 70, 1987
O Justo ou a Essência da Justiça, Lisboa, Instituto Piaget, 1997
Ideologia e Utopia, Lisboa, Edições 70, 1991
A Crítica e a Convicção, Lisboa, Edições 70, 1997
Sujeito e Ética, Braga, APPACDM, 1996
Outramente, São Paulo, Vozes.

Obras sobre o autor
Azevedo e Castro, Gabriela Maria - Imaginação em Paul Ricoeur, Lisboa, Instituto Piaget, 2003
Abel, Glivier, Paul Ricoeur - As Fronteiras da Filosofia, Lisboa, Instituto Piaget, 1988
Costa, Miguel Dias da, Sobre a Teoria da Interpretação de Paul Ricoeur, Porto, Contraponto, 1995
Heleno, José Manuel, Hermenêutica e Ontologia em Paul Ricoeur, Lisboa, Instituto Piaget, 2001
Gomes, Isabel, Dossier Sobre Paul Ricoeur-Dossier de Filosofia, Porto, Porto Editora, 1999
Hahn, Lewis Edwin, A Filosofia de Paul Ricoeur, Lisboa, Instituto Piaget, 2000
Silva, Carrera F., Hermenêutica do Conflito de Paul Ricoeur, Lisboa, Edições Minerva, 1992
Vários, Paul Ricoeur, Braga, FFB., 1990

12 comentários:

R.Dart disse...

Faltam-me bastantes dados mas já vos fica o principal se tiverem curiosidade em ler o autor.

O Micróbio disse...

Sempre me fascinou este filósofo, principalmente o facto de conseguir conciliar o ser militante socialista, área política bem dominada pela ala maçónica da loja francesa, com o seu cristianismo profundo.

rosa disse...

Sim, Ricoeur era um homem coerente. Soube aliar as suas convicções na perfeição. Para mim é importante a coerencia. Não falta quem se diga de esquerda e aja como direita e vice-versa. Enfim.

Caiê disse...

Paul Ricouer, La mémoire, la histoire, L,oubli, Editions du Seuil. ;)

Caiê disse...

ooopppsss... L'oubli... isto do esquecimento tem lapsos. LOL

Caiê disse...

L'histoire também. desde que perdi cabelo, perdi células. ah ah ah! :(

Vasco Macieira disse...

Teoria da metáfora... hum... fiquei muito curioso. Rosa, amiga, temos de falar sobre essa teoria. Confesso que não conheço a obra deste filósofo. Beijos.

Vasco Macieira disse...

Que bom estares de volta... :-)

rosa disse...

amiga Caiê, não tive em conta edições estrangeiras porque quase todas estão em francês. as principais que aqui deixo estao em pt. não conhecia essa, obrigado!
um beijo.

vasco ainda não regressei com jeito, parece-me que só para depois do dia 17. entretanto vou ver se apareço de x em quando e te escrevo qualquer coisa sobre a metáfora.
um abraço o obrigado por apareceres sempre!

LN disse...

Acrescentaria
Le Juste II...
e Soi-mêmme comme un Autre.

Tendo sido Ricoeur um dos autores de referência da minha tese, conheço bem (se se pdoe dizer isto) a obra e a vida. Lamento a sua perda a todos os níveis. O mundo perdeu um intelectual, na melhor e mais interventiva acepção da palavra.

R.Dart disse...

Soi-mêmme comme un autre... já li bocadinhos. Obrigada!
b*

Dariane disse...

Estou estudando Ricoeur, comecei por sua autobiografia intelectual, e já foi o suficiente para me apaixonar por este homem... Suas obras são encantadoras.
Porem n tenho mto acesso à seus trabalhos, se alguem puder me ajudar...
meu email é: themisleibinis@hotmail.com
Qualquer texto, site, será bem vindo.
Obrigada.